6 Dicas para aumentar a vida útil de sua bicicleta

Depois de rodar para o trabalho e para o lazer por vários anos, em seguida pela América do Sul por 2 anos, descobrimos algumas coisas que se pode fazer para aumentar a durabilidade da bicicleta, mesmo enfrentando terrenos difíceis e condições longe das ideais. Descubra nossas 6 dicas para aumentar a vida útil de sua bicicleta e não gastar à toa com peças precocemente desgastadas.

A bici empacou!

Não adianta empurrar. Siga as nossas dicas para aumentar a vida útil de sua bicicleta e ela não empacar!

1. Manter pneus calibrados próximo ao máximo do recomendado pelo fabricante

Manter o pneu mais calibrado, diminui a superfície de contato com o chão, assim ele vai desgastar menos do que se estivesse mais vazio.

2. Revezamento dos Pneus e corrente

Sobre o revezamento de correntes, temos um post que trata apenas deste assunto. Já o revezamento de pneus basta fazer a troca do pneu traseiro com o dianteiro, já que o pneu traseiro sempre apresentará desgaste mais cedo.

Vale lembrar que se houver um pneu em condições muito ruins (buracos ou remendos no próprio pneu) mais vale deixá-lo na roda traseira por motivo de segurança, já que o estouro repentino de um pneu será muito mais perigoso se acontecer no dianteiro.

3. Usar Paralamas

Eles evitam que a água suja da estrada seja jogada para a relação da bicicleta através dos pneus. Temos um post explicando como instalar paralamas de “baixo custo” e você mesmo.

4. Levar pouco peso

O excesso de peso em uma viagem aumenta o desgaste de toda a bicicleta.

Começando com o pneu que terá maior superfície de contato com o chão, seguido de corrente e relação da bike que necessitará trabalhar mais para mover todo esse peso para lá e para cá, e também freios e aros que necessitarão de maior atrito para frear a bike em longas descidas.

Isso sem contar ao desgaste/fadiga e consequente quebra que podem ocorrer em raios, bagageiros e, em casos extremos, até no quadro da bike.

Gosta do nosso conteúdo? Receba as novidades em primeira mão!

5. Fazer manutenção regular preventiva nos cubos a cada 5.000km

Ou quando perceber que os cubos não estão girando liso, isso depende das condições climáticas (se houver muita chuva, faça manutenção mais frequente!)

6. Sempre antes de sair para o pedal, faça uma limpeza rápida na corrente

Este procedimento não deve tomar mais que 1 minuto. Veja como no vídeo abaixo:

Além destas 6 dicas, ainda alertamos para uma escolha consciente de equipamento, optando por peças que ofereçam maior durabilidade, o que significa muitas vezes fugir de peças fabricadas para performance em competições, pois são feitas para serem leves e pouco duráveis, além de terem o preço muito elevado.

Opte pelo que é simples e de fácil manutenção e facilite sua vida!

Veja nosso artigo especial sobre escolha das peças de uma bike para longas viagens.

Quer mais dicas de cicloturismo? Acesse nossa aba de Dicas!

 

Gostou deste conteúdo? Se inscreva e receba conteúdo exclusivo!

Camisetas Algodão Orgânico Pedrilhos - Conheça. Conheça também as Camisetas de Algodão Orgânico Lisas em nosso site Parceiro.

Você pode gostar...

  • Julio Melo

    Boas dicas…

  • lalitesh

    Qual o nome da musica q tocou no final?

  • Gustavo Leonardo

    Olá,

    Acho o blog de vocês interessantíssimo e gostaria de contribuir com uma dica que encontrei em outro site brasileiro.
    Sobre como reforçar as rodas de uma forma simples e barata: http://pedaleria.com/reforcando-raiacao-das-rodas/

    Um forte abraço!

    • Olá Gustavo,
      muito obrigado pelo seu comentário!!!

      Dica valiosa essa que deu, sem dúvida!!! Durante a viagem os raios eventualmente trabalhavam muito e faziam barulhos, com esse sistema de reforço que falou, de repente esse barulho cessa… Vou fazer um teste!

      Abraços
      André

  • Marcos

    Que cubo é esse que dura 5000km? Os meus com 2500km já estão com as esferas e cones machucados e isso que nem pego chuva ou barro :/

    • Andre Costa

      Fala Marcos, qualquer cubo pode durar 20mil 30mil km sem problemas meu caro, porém para que ele dure tanto você necessita de atenção constante. A cada 2mil km ou menos (se perceber que eles estão sujos ou segurando, te explico abaixo) você deve fazer a manutenção completa nele, remover esferas, limpeza e nova graxa.

      Como acompanhar se eles estão limpos ou não? Eu tiro a roda, e giro o cubo com as mãos, e procuro sentir qualquer sinal de grãos de areia ou qualquer outra coisa que esteja segurando eles de girarem livremente… Se percebo que eles estão secos, também é sinal de falta de manutenção.

      Coisas que pioram a durabilidade deles é, muita chuva e lama e graxa de má qualidade.

      Mas respondendo sua pergunta, rs… nós usamos Shimano Alivio.

      Abraço

      • Marcos

        Obrigado pelas dicas, André! Vou cuidar mais dos cubos a partir de agora, abraço!

        • Andre Costa

          Valeu Marcos! Manda a ver, faz toda a diferença. Abraço!