Sobre Nós

Pedarilhos, conteúdo independente e loja virtual
Especializados em Cicloturismo

 Vento no rosto e uma longa estrada no horizonte(porque vento nas costas é lenda!)

Mais uma subida conquistada, 2 dias e meio pra chegar ao topo. Serras do Perú, é nóis a 4 mil metros sobre o nível do mar outra vez!

Olá pessoal, aqui é a Ana. Junto com meu companheiro André fundamos a Pedarilhos lá em meados de 2009. Quando começamos a viajar de bicicleta estas perguntas latejavam em nossas mentes, sem resposta:

  • É possível viajar de bicicleta por períodos longos gastando pouco?
  • Onde encontrar ou como fazer o equipamento com melhor custo X benefício específico/ideal para cicloturismo?
  • Onde encontrar informações de quem é experiente em cicloturismo para nos dar umas dicas?

Você também gostaria de saber estas respostas? Não estava fácil encontrá-las, lemos livros, assistimos palestras e buscamos ir ao encontro de pessoas que viviam em outra cidade e muitas chamadas telefônicas para conseguir alguma informação inicial. Isso nos daria alguma segurança psicológica.
Mas longe de esclarecer todas as dúvidas partimos pra estrada mesmo assim. Roteiro não importava muito, só sentíamos esta urgência de sair e viver a estrada, estar aberto ao que surgir.  Não encontramos todas as respostas para nossas perguntas, mas tudo o que descobrimos sobre viajar de bicicleta nós compartilhamos aqui no Blog Pedarilhos.


Início

André e Ana - Descendo a Serra da Rocinha-RS/SC

A ideia Pedarilhos começou timidamente em 2009 como um blog pessoal com relatos das nossas viagens de bicicleta e algumas pedaladas urbanas, tanto os relatos como as viagens em si eram ainda muito improvisados, e uma das dificuldades era justamente encontrar equipamentos específicos para a atividade próximo de nós.

No ano seguinte registramos a empresa na nova lei do MEI e iniciamos a venda de alguns artigos nacionais para cicloturismo e ciclismo urbano através da loja virtual Pedarilhos como forma de custear nossas cicloviagens. No início era uma utopia pensar que seria viável vender equipamentos para tão pequeno grupo de malucos. Mas o grupo dos apaixonados por viajar de bicicleta cresceu e nossa linha de equipamentos e conteúdo pôde expandir, e desta maneira o blog e a loja são nossa atividade econômica principal hoje em dia.

Mais uma subida conquistada, 2 dias e meio pra chegar ao topo. Serras do Perú, é nóis a 4 mil metros sobre o nível do mar outra vez!Em 2012 conseguimos dar início à realização do maior sonho de nossas vidas, sair para uma viagem de bicicleta sem data para voltar e com pouquíssimo dinheiro. Deixamos nosso gaiola apartamento, saímos dos nossos trabalhos com carteira assinada e benefícios para começar uma vida de incertezas, mas e a nossa recém aberta Lojinha? Bom, estávamos dispostos a fechar as portas em prol da realização de nosso sonho, mas não foi preciso. A loja seguiu em funcionamento durante os dois anos que estivemos em viagem graças ao novo membro que se somou à equipe Pedarilhos, Angelo Vivian, irmão da Ana e grande colaborador na realização de nosso sonho.

Após retornar da viagem em meados de 2014, retomamos atividade mais intensa e menos nômade na Pedarilhos, lançamos novo layout e sistema para o blog e a Loja Virtual, proporcionando maior facilidade de navegação e conforto, e passamos a incluir nova linha de produtos (alguns de desenvolvimento próprio, como as camisetas), além de trabalhar todo o conteúdo gerado na estrada nestes dois anos e disponibilizá-lo aqui no blog.


 

Um pouco da nossa história com a bicicleta…

Viajar de bicicleta nos move, nos faz sentir vivos! Queríamos experimentar uma longa jornada sobre a bike, conhecer outros países e culturas, mas nosso pé de meia estava longe de ser considerado suficiente. Você pode saber um pouco mais sobre como financiamos o Pedal América do Sul nestes artigos aqui . Então comprovamos que era possível viajar de bicicleta com pouco, mas com simplicidade e algum esforço!

Acampados na sala de aula da escolinha de Alegria. Só montamos a barraca por conta dos mosquitos. Última noite na Amazônia Peruana.

Acampados na sala de aula da escolinha de Alegria. Última noite na Amazônia Peruana.

Para conseguir viabilizar a produção do conteúdo relevante para o blog é preciso viajar de bicicleta e uma boa dose de chá de cadeira escrevendo, até aí tudo bem, mas para poder viajar, por mais econômico que conseguimos ser, precisamos trabalhar. É muito prazeiroso se dedicar a algo que acreditamos e que nos traz satisfação, e a Loja Virtual é parte fundamental deste processo todo, ela financia a produção dos artigos do blog através da venda de equipamentos de qualidade para a prática de cicloturismo para todo o país. Um trabalho inspirado naquela antiga dificuldade que sentíamos quando começamos a viajar de bike: encontrar os produtos confiáveis e informações de qualidade sobre cicloturismo que pudessem nos aconselhar quando começamos nossas primeiras pedaladas.

Em 2014 completamos nosso sonho após dois anos e cerca de 24 mil quilômetros percorridos em bicicleta pela América do Sul. Pedalamos por Brasil, Argentina, Chile, Bolívia e Peru gastando cerca de R$15 por dia. Sem patrocinadores, seguimos trabalhando com a Loja Virtual e o Blog através da internet. Enquanto isso o Angelo assumiu a gerência da loja, realizando atendimento aos clientes e os envios. Nós fazíamos contato assim que uma conecção de internet surgia, e aproveitávamos os dias de descanso do pedal pra trabalhar no site, lavar roupa e fazer manutenção no equipamento. (Nenhum dia de descanso na viagem, era realmente um descanso.)

Mas esta não foi nossa única viagem, algumas pequenas pedaladas serviram de treino:

 

Gosta do nosso conteúdo? Receba as novidades em primeira mão!


Viajar de bicicleta é uma experiência indescritível e pessoal

Mas a gente tenta transmitir um pouco do que vivemos através das palavras mesmo assim! Quem sabe você se empolga?

proposta do blog Pedarilhos é compartilhar experiências sobre viagens de bicicleta como forma de incentivar você a praticar cicloturismo e praticar atividades ao ar livre, oferecendo conteúdo próprio e independente que tenha qualidade, relevância e sem custo nenhum para o leitor.

Não tem segredo, é suór! Nós saímos de casa a bordo de nossas bicicletas com muitas dúvidas e algumas mochilas, acreditamos que qualquer pessoa com a vontade de experimentar o mundo também é capaz. Quando você vive algo que te transforma positivamente, é natural sentir vontade de compartilhar, contagiar as pessoas. Você sente o chamado da estrada para viver uma grande jornada de descobrimento sobre sua bicicleta ou com uma mochila nas costas?

Amanhecer no Caratuva

Amanhecer no Caratuva

Acampamento no quintal do restauranteTer um quintal diferente todos os dias, conhecer lugares lindos e fazer parte da paisagem, chegar ao topo de um passo de montanha com a energia do próprio corpo e carregando uma diminuta bagagem que lhe torna possível uma existência feliz, plena, repleta das mais belas experiências de vida. Você pode chamar isso de presente! Viajar de bicicleta mexe com a gente…

Não deixar o medo aprisionar, realizar um sonho não é fácil, mas extremamente recompensador. Esteja alerta, mas não trave!

031814_2055_Deixandooli5.jpgMas é claro que tem a parte chata. Em pouco mais de dois anos de viagem, o que vivemos nos proporcionou algum conhecimento sobre o que funcionou e o que não deu certo para nós. Muitas pequenas coisas inconvenientes acontecem no dia-a-dia da viagem, e grande parte da “chatisse” vem por conta dos equipamentos inadequados e manutenção mal resolvida.  Nós queremos minimizar esses incômodos nas nossas futuras viagens, e porque não tornar essa informação acessível para você também?!

Cadastre seu e-mail em nossa newsletter para receber nosso conteúdo em primeira mão! Não enviamos spam e você pode deixar de receber quando quiser.


Dois anos de bicicleta pela América do Sul {2012-2014}

Fotos: 1.Arquivo pessoal, 2/3/4. Jorge Blanquer Clube de Cicloturismo do Brasil

Já ao final de nossa viagem fomos convidados para participar do 13º Encontro Nacional de Cicloturismo organizado pelo Clube de Cicloturismo do Brasil que iria acontecer em Campos do Jordão, São Paulo. Tanto a cidade como o evento já estavam em nossos planos de trajeto, seria muito bom reencontrar tantas pessoas que nos inspiraram e nos encorajaram quando estávamos começando, aquele gás que a pernada final da viagem precisava. Aceitamos o convite e apresentamos o que havia sido nossa viagem até então. Foi grande o presente de terem marcado a nossa fala justo no dia que completaríamos 2 anos de viagem, dia 21 de junho de 2014, e mais ainda receber a energia ao vivo de uma galera que adora viajar de bike!

Foi maravilhoso o encontro de cicloturismo em 2014 com a viagem ainda acontecendo. Então em 2015, quase um ano depois de terminada a viagem, decidimos voltar ao 14º Encontro de Cicloturismo, desta vez como voluntários na organização, com uma parte da Loja Pedarilhos e como expectadores. Levamos mais dois ciclistas junto conosco, aliás, eles nos levaram! O pai e a mãe da Ana também foram ao evento e puderam sentir um pouco da energia positiva que emana deste encontro lindo. Foi emocionante rever a equipe do Clube de Cicloturismo novamente, além de tantos amigos que fizemos na edição anterior.

Também em 2015 participamos do Primeiro Congresso Nacional de Viagem Não-Convencional. Nossa palestra foi transmitida gratuitamente através da internet e escolhida para retransmissão pelo público.

Na bagagem nenhum souvenir, apenas histórias, bons amigos feitos na estrada e ótimas lembranças e experiências de vida. Nossos relatos de viagem foram publicados ao longo da jornada e muito conteúdo está sendo produzido por nós aqui para o blog com o objetivo de te encorajar a sair e explorar, experimentar um pouco deste mundo maravilhoso que está ao nosso redor. Mas se sair e explorar não é a sua gana, estamos contentes com ao menos espalhar o que há de bom no mundo e que não aparece nas mídias convencionais com tanta frequência.

Conseguimos realizar um grande sonho, você também consegue se é isso que pulsa aí dentro! Vai lá e depois vem contar aqui pra gente como foi? Desde que saímos de viagem acompanhamos diversos ciclistas que partiram pra estrada, você pode conhecer eles também na nossa página de links! Se você tem um site contando sobre sua viagem de bike, escreve pra gente aqui contato@pedarilhos.com.br beleza? A gente adiciona à página de links com muito prazer! 


Equipe

Bom, é claro que sozinhos nada disso seria possível, além de nossa equipe, são vocês leitores e clientes que tornam este trabalho possível e relevante, somos gratos a cada um de vocês que nos lêem, enviam mensagens, comentários e dúvidas e que escolhem comprar seu equipamento conosco, valeu galera!

névoa-ultimas-lagunas-8André Costa

Ciclista desde que se entende por gente, viaja de bicicleta desde 2008 e quer te encorajar a pegar a bike e encarar a estrada. Natural de Ourinhos, SP e graduado em Ciências da Computação pela UFSC, trabalhou como programador web antes de pedir demissão e empreender seu próprio negócio. Me incentivou muito a incluir a bicicleta no cotidiano, bem como os familiares e amigos.  Seu hobbie é fazer gambiarras, ou melhor, soluções não-técnicas, principalmente em sua bicicleta. Na Pedarilhos trabalha na produção de conteúdo,  programador web, gerenciamento de estoque, atendimento ao cliente e já entregou muito pacote nos correios!

Muito bom muito bom! Perdi as contas quando o número de túneis passou de 28...Ana Vivian

Aprendeu ler, pedalar e viajar na infância. Através das palavras, dos pés ou da bicicleta quer conhecer que ainda não viu. Natural de Tangará, SC e graduada em Estilismo/Moda pela UDESC, e em seu trabalho de Conclusão de Curso achou interessante pesquisar o vestuário do ciclista urbano e as opções menos impactantes deste setor da indústria do vestuário no meio ambiente. Trabalhou como designer, estilista e professora de Costura Industrial e Artesanal. Utilizava a bicicleta como meio de transporte e posteriormente passou a utilizá-la mais intensamente nos finais de semana e férias. Na Pedarilhos trabalha na produção de conteúdo, design e criação, e também já empacotou muito pedido!

Angelo no Parque AconcáguaAngelo Vivian

Grande mente criativa, é músico multi-instrumentista, bluesman, desenhista desde criança e grande entusiasta bicicleteiro. Natural de Tangará, SC e graduado em Ciências Sociais pela UFSC, em seu Trabalho de Conclusão de Curso investigou o impacto negativo do uso excessivo dos veículos automotores na vida em sociedade. Na Pedarilhos trabalha no gerenciamento de e-commerce, marketing digital, atendimento ao cliente e empacota e entrega muito pedido!


Loja Virtual Pedarilhos

LOJA

Nosso conteúdo é útil e relevante pra você? Que tal considerar comprar conosco como forma de endossar nosso trabalho?

  • Em nossa viagem poderíamos recorrer a patrocínios ou vaquinhas, mas sentimos que isso nos tomaria a liberdade um pouco e preferimos ir com recursos próprios de economias, e outra parte veio através de centenas de clientes de todo o Brasil que escolheram comprar conosco. Valeu galera!
  • Nós damos preferência a fabricantes nacionais éticos e só colocamos em nossas prateleiras e vitrine equipamentos que conhecemos muito bem e já pudemos testar.
  • Muitos fornecedores conhecemos pessoalmente e já utilizamos seus produtos desde longa data.
  • Nosso estoque é real e físico, você pode retirar com o Angelo em Florianópolis ou receber em sua casa via Correios.
  • Somos exigentes com durabilidade, qualidade e detalhes dos equipamentos, e só revendemos produtos importados que não tenham fabricação de similar no mercado nacional.
  • Nossa linha de Camisetas utiliza Algodão Orgânico certificado, e os desenhos são de autoria da Ana (com muitas pitacos ideias do André e do Angelo).

Em nosso blog estão disponíveis gratuitamente todo conteúdo gerado por nós em viagens, são diversos tutoriais Faça-você-mesmo, review de produtos que testamos, dicas, relatos e muito mais!

Curtiu o Blog Pedarilhos? Então cadastre seu e-mail em nossa newsletter para ver como é possível viajar de bicicleta de maneira simples, com baixo-custo e para os lugares que você sempre sonhou.

Quer sair em viagem de bicicleta agora? Conheça a Loja Virtual Pedarilhos e encontre os equipamentos necessários pra sua próxima aventura! Oferecemos descontos para grupos, entre em contato!

Tem alguma sugestão, dúvida, crítica, comentário ou só quer interagir com a gente, escreve para: contato@pedarilhos.com.br

 

  • william

    Ola.,
    meu nome é William vivo em Brasili . Gostei bastante do blog de voces e queria uma ajuda.
    Eu gostaria de fazer uma cicloviagem pela serra catarinense .
    ainda nao estou pro to para uma viagem assim sozinho.

    Queria indicações de operadores de turismo que oferençam este roteiro

    Desde já agradeço abs

    • Olá William, já ouvi falar em diversas operadoras de cicloturismo no Brasil, mas não recordo os nomes. A que conhecemos e temos mais contato com o pessoal é a Caminhos do Sertão, o pessoal é aqui de Florianópolis e muito gente fina todos eles. Inclusive eles tem um roteiro muito bacana que chama “Acolhida na colônia”, nós já passamos por diversas cidades deste roteiro e são paisagens muito lindas. Vale cada morro! Abraços e boas viagens!

  • danilo ducatti

    Boa noite, gostaria de saber a lista dos campings do Circuito vale europeu em santa catarina, pois irei percorrê-lo em 8 dias, caminhando, e gostaria de acampar na maior parte do trajeto. Obrigado

  • Fernando Costa

    Muito legal o site André. até me deu vontade de sair pedalando também. um grande abraço.

  • Andrés Zumarán

    Boa noite, sou apaixonado por pedalar assim como vcs, no prazer de estar pedalando, e estou planejando minha 1° viagem de Taubaté – SP à Maringá – PR, em torno de 814kms já para o próximo inverno de 2013, acredito ser uma boa época. Tenho uma montain bike de 27V e como o roteiro é só de asfalto vou usar pneus mais finos. Por ser a 1°viagem sozinho não vou arriscar em dormir em barracas e sim em motéis a beira da rodovia. Tbm não pretendo levar muitas coisas, já que vou me alimentar em restaurantes. Que dicas vcs tem para uma viagem como essa? Obrigado, e parabéns.

    • Olá Andrés, não conhecemos esta região que irá fazer. Como nosso estilo de viagem é bem diferente da sua não temos muitas dicas a lhe dar, suas decisões já estão tomadas e planejadas, é isso aí mesmo, pesquisar a região, dar uma olhada em google maps e ver mais ou menos as paradas de cada dia pra não passar apuros de não ter onde dormir ou comer, já que não carregarás barraca e ítens de cozinhar. No mais, vá e faça! É muito bom. Abraços!

  • Gavin Cain

    Oi sou Gavin,sou ingles e casado com uma brasiliera,to vivendo aqui em Floripa. Queremos muito fazer uma viagem na America do Sul , talvez ir além, será a primeira, mas não temos noção dos custos, mapa, vistos pra entrar por ex, usa e canada, vcs podem nos dar uma ajudinha

  • Olá amigos,
    Temos MUITO em comum… Também como vocês fiz da bicicleta e da natureza minha vida e hoje vivo exclusivamente (e muito bem, aliás) disso… Sou autor e editor de livros com roteiros de cicloturismo e mountain bike esportivo e, mais recentemente, de trekking também. Se vocês não conhecem o material, convido a visitarem o site da minha empresa, a KALAPALO EDITORA (www.kalapalo.com.br)… Estou nesse momento realizando uma cicloviagem de seis meses por toda a Patagônia e a Terra do Fogo, que vocês podem acompanhar pelo meu blog: http://www.clubedaaventurakalapalo.blogspot.com.
    Tenho certeza que nossos caminhos ainda vão se cruzar, por isso fiz questão de dar um alô…
    Força no pedal, que a vida vai fácil!

    • Fala Guilherme,
      poxa, que legal seu comentário meu caro!!! Lemos diversos artigos seus, muito bons por sinal!!! =)
      Temos muito interesse em trabalhar com os guias da Kalapalo.

      Certamente vamos nos encontrar pelo sur!!!

      Abraços

  • fabio cordeiro

    Ola amigos. Parabéns. Estou iniciando nesse mundo maravilhoso do cicloturismo. Só que irei de dahon dobrável. E gostaria de um alforge para a minha bike de aro 20. QUal voces me indicam? Obrigado e sucesso!! Vocês já são um dos meus ídolos.

  • Encontrei vcs pelo grupo warmshowers pelo facebook. Muito legal a trip de vcs. Sucesso para o casal!!

  • Tânia Martin

    Ana,
    Parabéns!!! Nem parece aquela menininha encabulada que conheci, vc é demais … Linda!!!

  • Alexandre Leonardo Galleguillos

    Gostaria de saber quais seriao os itens necessarios a parte do basico (camaras, ferramentas menores, etc), que podem fazer falta em uma viagem como essa no Salar de Uyuni. Algo como que na hora vcs pensarao: – Como nao pensamos em trazer isso!!!

    Obrigado, parabens pelos passeios.

    • Olá Alexandre,
      estes são os equipamentos que estamos carregando na bagagem: http://www.pedarilhos.com.br/blog/pedal-america-do-sul/os-equipamentos/

      O que sentimos falta, e isso faz toda a diferença no conforto, é um saco de dormir para temperaturas mais extremas (Ana usa o -5° e André 0°C). Tivemos que comprar uma coberta extra antes de entrar na Bolívia, e no salar a temperatura realmente cai durante a noite, pode chegar a -25°C, mas no nosso caso pegamos só -15°C. Também é imprescindível uma bússola (em caso de fazer sentido norte-sul, ou se tiver de sul-norte e o tempo estiver nublado, porque em certos trechos a rota não está bem demarcada pelos veículos). Um bom mapa da região e um guia feito por ciclistas são sempre uma segurança a mais, sugerimos o excelente guia “Cycling SouthWest Bolívia”, do site tour.tk, o download é gratuito mas está todo em inglês. Também é importante pílulas de purificar água (clorin), porque nas vilas a água nem sempre é confiável.

      Abraços e qualquer pergunta, estamos aí!

  • Olá..boa tarde, como vocês estão??

    Achei o blog de vcs fenomenal, super interessante.
    Tenho uma empresa de artigos esportivos e acessórios para bicicletas.

    Gostaria de saber se poderia publicar o blog de vocês na nossa página do facebook?
    Incrível a vida que vocês levam, conhecendo nossos lugares dessa maneira.

    Desde já agradeço pela sua atenção.

    Tenham um excelente dia.

  • Marcos Chaves Moreira

    Olá.
    Sou da cidade de Rio Grande – RS, na qual está localizado o balneário Cassino. Estou planejando uma viagem do Cassino até a Barra do Chuí pela praia. São 220Km de praia. Pretendo fazer em 4 dias, acampando todas as noites, pois o trecho é completamente desabitado.
    Nas minhas pesquisas, encontrei o seu blog e gostaria de parabenizá-los pelos feitos e pela qualidade e criatividade das fotos.
    Como vocês, também me criei no meio das bicis, pois meu pai era ciclista e, nos anos 80, fez uma viagem de Rio Grande a Montevidéo e voltou pedalando. Foram 1.200 Km em 6 dias (de speed, com carro de apoio).
    Infelizmente, ele faleceu há dois anos e, agora, eu pedalo em sua homenagem.
    Se quiserem, mando as fotos da expedição.
    Parabéns!
    Boas pedaladas.
    Marcos Moreira

  • Márcio Coutinho

    Olá amigos!!!
    Adorei encontrá-los por aqui. Gostaria de ver o percurso que fizeram, procurei, mas não encontrei nenhum mapa nem no site, face, blog. Existe algum?
    Moro em Joinville e tenho uma grande viagem planejada, só falta executar..rs
    Com certeza passarei na Pedarilhos para sair bem equipado.
    Grande abraço e boas pedaladas!!!

    • Olá Márcio,
      tudo certo?

      Valeu pelo comentário!!!
      Então, existe sim porém ainda está desatualizado, estamos atualizando na maneira do possível.

      Ele está neste link: http://www.pedarilhos.com.br/blog/pedal-america-do-sul/roteiro/

      Opa, legal! Pode contar conosco para ajudar com a sua viagem.
      Se por acaso for passar em Floripa e quiser conhecer os nossos equipamentos é só avisar que o Angelo vai muito bem recebe-lo!

      Abraço
      André Costa

  • Julian Irusta

    Parabéns pelas escolhas de vida, e principalmente pela dedicação à produção de conteúdo deste blog! Atitudes como essa estimulam muito outras pessoas a seguirem esse caminho.
    Eu, como quase todos aqui, também estou me preparando para uma grande viagem ciclística, e espero um dia poder retribuir à altura.
    Um abraço,
    Julian

    • Valeu Julian! Agradecemos seu comentário, ele nos estimula a seguir compartilhando ideias e conteúdo por aqui. Quando for realizar sua viagem, não deixe de nos contar para acompanharmos sua jornada e enviar boas energias! Abraços

  • Raquel

    Olá Ana e André! Como outros já disseram, eu e meu marido temos muito em comum com vocês… rs rs adoramos pedalar e de acampar e fazer nossas comidinhas. No final do ano passado fizemos os sete lagos e pedalamos de Bariloche a San Martin de los Andes. Viagem maravilhosa com paisagens perfeitas e pessoas muito bacanas, amigáveis e muito educadas. A experiência de viajar de bike é única e ela nos permite uma liberdade e uma sensação de que estamos conhecendo muito mais a fundo os lugares que se estivéssemos utilizando outro meio de transporte. Hoje eu e meu marido só pensamos em turismo de bike e até estava pensando no Uruguai, pois atualmente não podemos gastar muito. Já foram ao Uruguai de bike? Recomendam? Gostaria de parabenizá-los pelo site. Abraços e obrigada por compartilharem suas experiências.

    • Olá,
      que legal, bom demais receber a mensagem de vocês, valeu!

      Nós ainda não passamos pelo Uruguai de bike, porém conhecemos diversas pessoas que já passaram por lá. Nós acabamos deixando o Uruguai para uma viagem futura, devido a proximidade com o lugar onde moramos, hehehe.

      Pelo que sei, todos que pedalam por lá gostam. É um pedal tranquilo, plano no geral, alguns lugares com grandes distâncias para vencer. Cheio de belezas naturais e pontos históricos. Com certeza é recomendado.

      Se quiserem posso colocar vocês em contato com alguns amigos que pedalaram por lá.

      Abraços
      André e Ana

  • JOAO BATISTA

    Achei muito bom o site, informações, dicas, roteiros, fotos, etc…
    Sou da melhor idade, 60 anos, e sempre fui mochileiro, campista, naturista, etc… Acabo de chegar do Caminho de Santiago, 24 dias, a pé, 900 km, simplesmente maravilhoso, mas….ja estou começando a pensar no próximo “caminho”, só que a 1 ano atrás, ganhei uma bike da minha mulher e fazemos de vez em quando, algumas pedaladas e agora esta me despertando aquele friozinho na barriga para fazer “cicloturismo”, algo novo na minha vida, mas desafiador…
    Então, achei o site de Vcs e gostei demais e estou vendo que Vcs tem experiencia de sobra e poderão me ajudar….mas a ajuda que peço e quanto a “BIKE”???? Estou lendo bastante mas, quanto mais leio, mais confuso fico hehehehe então, com a experiencia de Vcs, peço orientação para qual bike devo comprar ou montar?? quadro cromo? selim? cambio? etc… e se for possivel, algo economico….ou indicação de bike pronta??
    Bem, agradeço antecipadamente sua ajuda e apartir de agora, Vcs terão mais um leitor e fã….GRANDE ABRAÇO….BUEN CAMINO……E BOAS AVENTURAS!!!!!!!!!

    • Victor Lavoura

      Grande amigo e peregrino agora quer ser bicigrino? Pois como Português sou amante das bicicletas desde os meus 30 anos, percorri a Europa aquaise toda de Bike de estrada , fiz triatlon até aos 55 anos , BTT orientação preparei um projecto de ligação Lisboa a Macau 15000 km em 4 meses saiu gorado por falta de segurança na Jugoslávia que estava em guerra partia junto com um Brasileiro , agora que tenho 70 anos contínuo com projectos na área do lazer na cultura e no desporto.Amante da Natureza tendo feito até hoje os caminhos de Santiago mas como peregrino pois acho que os peregrinos são os únicos que cumprem os percursos até ao limite da dificuldade e muitas vezes perdem a vida pela fé. Acabo de fazer a peregrinação de Lourdes “França” até SJPP , Bayonna, caminho do Norte até Santander, Santiago, Muxia , Fisterra, Curcubion, Pontevedra , Vigo, lá Guardia , Caminha, Porto, Aveiro, Albergaria, Coimbra, Leiria e Fátima “santuário” depois continuação até Lisboa Sé, um total de 2380 km em 2 meses e 15 dias a pé com muita fé muitas amizades e muita cultura. Há cerca de 8 anos que faço os caminhos de Santiago a pé ganhando cada vez mais vida e saúde superando as maleitas de origem familiar. Entrei neste site à procura de tendas ou barracas leves para incorporar na mochila visto pretender fazer o caminho Inglês de Ferrol para Santiago e Lisboa a pé e não quero ficar a dormir ao relento por falta de camas nos Albergues em pleno verão podendo ainda andar os km que quizer sem me preocupar com os Albergues
      Abraços Bueno camino Victor Lavoura

      • Andre Costa

        Olá Victor,
        show suas histórias!!

        Vou te responder certinho lá pelo email, seguimos conversando>
        Abraços
        André

  • Vera Marques

    Adoramos conhecer vocês !!!!! Pessoas lindas de coração.

  • brother leblon

    Olá, André e Ana!

    Viajar de bicicleta sempre foi meu principal objetivo para realizar na vida, mas a faculdade nunca permitiu que eu fizesse uma viagem longa. Porém, surgiu a oportunidade de desenvolver um equipamento no projeto final que irei utilizar para uma viagem que quero fazer pela costa sulamericana do pacífico.

    Gostaria de disponibilizar um link do formulario que estou utilizando para coletar informações para esse projeto: http://goo.gl/forms/UqVguLSRlD . Com certeza a experiência de vocês poderá me ajudar!!

    Abraços e pé na estrada!!

  • Hérculles Alany

    Vocês são incríveis 😀